Breaking News

🏴 A Polícia Civil da Bahia lamenta a morte da delegada Ângela Maria Menezes Sena, de 68 anos, vítima da Covid-19

A PolĂ­cia Civil da Bahia lamenta a morte da delegada Ângela Maria Menezes Sena, de 68 anos, que atuava em Cardeal da Silva, na 2ÂŞ Coordenadoria Regional de PolĂ­cia do Interior (Coorpin/Alagoinhas). Ela foi vĂ­tima de complicaçþes da Covid-19, assim como seu marido, Nilton BrandĂŁo, falecido no fim de março. 

Conhecida pela generosidade, pelo companheirismo e pela alegria, Ângela era policial hĂĄ 40 anos. Ela foi titular da DT de Maragogipe e chegou Ă  2ÂŞ Coorpin em 2012, para trabalhar na Delegacia Territorial de Acajutiba. Em 2019, foi transferida para Cardeal da Silva, onde atuou atĂŠ ser internada. 

O sepultamento da delegada ocorreu neste domingo, Ă s 15h, no CemitĂŠrio do Campo Santo, em Salvador. Onde foi  obedecido um minuto de silĂŞncio na rodada do Campeonato Baiano de Futebol, visto que ela foi diretora da Liga Maragogipana do esporte. 
Ângela Maria deixa três filhos (Kleber, Ana Paula e Eduardo) e seis netos (Drielle, Monique, Yago, Maria Eduarda, Klebinho e Miguel).
Por Beto News fonte, Reportagem de Val Andrade.https://delivery.menew.com.br/afrodisiaco-pizzaria.

Nenhum comentĂĄrio